Crias do WI - Mayra Luna

Como já comentamos antes, o Workshop Integrativo é tão cheio de oportunidades quanto de histórias de sucesso. Afinal, quando as chances se transformam em realizações e o aprendizado se converte em progresso, o que era um sonho enfim se realiza como uma carreira sólida. Mas, claro, esse caminho fica muito mais tranquilo quando pegamos orientações de quem já passou por ele.

Atualmente Estagiária de Vendas da Ambev, Mayra Luna aproveitou bem as oportunidades que o WI oferece e, com as palestras e conversas, aprendeu muito sobre o mercado de trabalho e sobre como planejar sua carreira. Até que, no 28º Workshop Integrativo, se deparou com a oportunidade que permitiu que ela começasse a construir a carreira que queria.

E para preparar com mais uma série de dicas quem vai participar do WI Online, pedimos à Mayra para nos contar um pouco sobre sua trajetória, e sobre como o evento foi capaz de ajudá-la na construção de sua carreira.

Workshop Integrativo (WI): Mayra, primeiramente, a gente agradece demais por você ter aceitado trocar essa ideia. Vamos começar resgatando um pouco as edições em que você participou do evento. Me fala como você buscava aproveitar o WI no começo.

Mayra Luna (ML): Desde que eu entrei na faculdade, compareci a todas as edições do WI. Mais especificamente, a primeira vez que participei foi em 2015, no 25º Workshop Integrativo.

Durante meus primeiros três anos de Poli, meu objetivo dentro do evento era conversar com o máximo de empresas possível, para descobrir quais delas buscavam contratar engenheiros. Sempre tive dúvidas sobre onde queria atuar, e o evento me mostrava exatamente isso.

WI: E quando surgiu sua primeira oportunidade?

ML: No meu quarto ano (2018), fui com um foco diferente no evento. Estava buscando oportunidades de Summer Internship, e acabei conversando com a Ambev. Era uma empresa que eu admirava, principalmente por conta de exemplos de autenticidade que já tinha visto deles.

Comecei a conversar com uma representante da empresa, e ela me explicou sobre as áreas em que poderia atuar. Eu disse que meu interesse era começar com um Summer Internship, mas ela me convenceu que eu deveria me inscrever no estágio, pois a Ambev era uma empresa bem flexível em relação a horários e graduação de seus membros.

No final, o que ela falou acabou sendo o melhor conselho da minha vida, e naquele momento minha história na Ambev havia começado.

WI: E como foi o processo seletivo para essa primeira oportunidade profissional?

ML: O processo seletivo da Ambev se inicia com a escolha de um Challenge (Desafio): Beer, Business ou Tech. Ao optar por um deles, as etapas iniciais são feitas de forma totalmente online. Fiz testes de lógica, inglês e de perfil, sendo este último de extrema importância, dado que a cultura é um fator muito importante para a empresa.

Depois, foi feita uma etapa presencial que durou um único dia. Nela, é feita uma imersão pela cultura da empresa, além de diversas dinâmicas, um desafio e uma entrevista, aplicados de acordo com o Challenge que escolhi no começo do processo (no meu caso, o escolhido foi Business).

Por fim, no mesmo dia, os resultados do processo seletivo foram anunciados.

WI: Mas como você se preparou para todo o processo? Teve algo que buscou estudar e se especializar?

ML: O processo seletivo que eu prestei não precisou de nenhum conhecimento técnico prévio. Lembro que quase entrei em desespero na hora do desafio achando que era necessário que eu soubesse Excel, mas percebi rapidamente que não era o caso.

Para me preparar, busquei estudar bastante a cultura da empresa. Além de ser extremamente importante ter esse conhecimento durante o processo seletivo, é também mais uma oportunidade para ver se você se identifica com a empresa que deseja entrar.

É importante também saber o que a empresa está fazendo para a sociedade. Então pesquisei ações que a Ambev tinha feito durante o ano e divulgado para o público. É legal mostrar que você buscou essas informações, pois há vários momentos nas dinâmicas em que elas podem ser úteis.

Procurei também me preparar para a entrevista. Estudei as perguntas que sempre costumam ser feitas, e busquei ter boas respostas para elas. É importante ter exemplos de sua vida para dar ainda mais profundidade para suas respostas, como, por exemplo, “gosto muito de desafios, e algo que eu fiz que comprova isso foi...”

WI: Hoje você vê algo que foi decisivo para sua aprovação?

ML: Acredito que a calma que tive durante o processo seletivo foi um fator importante para a minha aprovação. Por exemplo, eu poderia ter me desesperado naquele momento em que achava que era necessário o conhecimento de Excel, mas parei para pensar, e fui rápida para perceber o meu papel dentro da minha equipe do desafio.


Também acredito que foi um diferencial ter um conhecimento profundo da empresa e suas iniciativas. Tive a oportunidade de utilizar todo esse conteúdo durante o processo seletivo, o que foi muito benéfico.

Por último, a humildade com os outros participantes e a autenticidade foram outros dois fatores decisivos.

WI: Falando agora sobre o seu início na Ambev. Como foram seus primeiros anos de carreira desde que participou do WI?

ML: Como eu tinha falado no começo da nossa conversa, quando estava falando com a Ambev no WI, a flexibilidade da empresa em relação a horários e graduação dos membros era algo que havia sido mencionado. Estava preocupada em conciliar a faculdade e um possível estágio, então esse seria com certeza um fator muito importante.

Ao iniciar meu estágio, a flexibilidade realmente era presente. Fui capaz de colocar minha graduação em primeiro lugar, ao mesmo tempo em que conseguia desempenhar muito bem minhas funções dentro da Ambev. Fui até capaz de trabalhar à distância em alguns momentos, naquela época.

Porém, não vou mentir: é corrido da mesma forma. Mas só é preciso se organizar. Dentro da Ambev, temos muita autonomia.

WI: Você acha que o WI foi capaz de ajudar a moldar a sua trajetória profissional?

ML: Com certeza. Nos primeiros anos que participei, eu consegui muito conhecimento. Fui capaz de saber com detalhes onde uma engenheira poderia atuar, e percebi que as possibilidades de escolha são muito amplas.

Depois, fui capaz de começar a cortar as empresas e setores que não me atraíam. Conversei com várias empresas, e passei a restringir minhas opções a apenas lugares em que eu realmente me via trabalhando. O evento oferece o contato com pessoas que já estão nas empresas, e você consegue perceber quais perfis condizem com o seu.

O WI me deu a capacidade de filtrar o que era mais compatível com minhas aspirações profissionais.

WI: Que ótimo! Mayra, para finalizar a conversa, você poderia nos dizer como você acha que é possível aproveitar a feira ao máximo?

ML: Assim como tudo na vida, é importante se preparar. Faça uma pré-seleção das empresas que você mais gostaria de conhecer, e tenha na cabeça qual seu foco. Por exemplo, “estou no primeiro ano de faculdade e tenho interesse em fazer um summer [internship]”. Com isso, você pode ir atrás dos objetivos que pensou.

Pode ir direto ao ponto com os representantes das empresas, assim você consegue filtrar essas informações de forma mais direta. Mas também é muito importante conhece o dia a dia de cada empresa. É importante saber o estilo de cada uma, para assim você encontrar aquelas com as quais você mais se identifica.

A Mayra, com sua experiência no Workshop Integrativo, aprendeu a determinar seus próprios critérios para escolher um lugar para trabalhar, e descobriu que essas escolhas certeiras a ajudam a dar passos mais firmes no caminho do sucesso. Quer aprender a escolher as peças certas para construir a sua carreira? Ou já traçou seus critérios e agora está à procura de oportunidades que se encaixem neles?

O WI Online vai juntar informações e oportunidades imperdíveis para você. Para encontrar mais dicas preciosas de quem já conquistou seu espaço no mercado de trabalho a partir do Workshop Integrativo, não perca as próximas entrevistas. Talvez você descubra nelas aquele detalhe que faltava para sua carreira caminhar com tudo ;)

CADASTRE-SE PARA RECEBER NOVIDADES

(11) 99151-9115

  • Branca Ícone Instagram
  • Facebook Clean
  • White YouTube Icon

Av. Professor Mello Moraes, 2231 - Ed. da Eng. Mecânica da USP - Butantã - São Paulo

WI30-White-Long_edited.png